Chuva de sintonia – Sobre o espetáculo Chuva de Anjos – Por Marcio Tito.

Por Marcio Tito Amália Pereira e Vera Monteiro confirmam a pesquisa enquanto grande sucesso de um grupo. Reginaldo Nascimento, Teatro Kaus e todo o grupo nessa constante que enriquece a cena paulista. O bom jogo das atrizes, com ótimas partituras e sintonia finíssima, garante que nossa a simpatia pelos tipos permaneça e, do meio para… Continue lendo Chuva de sintonia – Sobre o espetáculo Chuva de Anjos – Por Marcio Tito.

Modernismo e força coletiva, sobre o espetáculo A Morta – Por Marcio Tito.

Por Marcio Tito Destaque para a força coletiva. Ou sobre como a verdade de um coletivo se mostra na energia telurica presente nos pequenos detalhes. Oswald de Andrade lançou seu Manifesto Antropófago em 1928. Quase cem depois, encenando A Morta, Cacá Toledo tira do gancho o telefone da história. O texto abaixo, que analisa aspectos… Continue lendo Modernismo e força coletiva, sobre o espetáculo A Morta – Por Marcio Tito.

Até a última sílaba do riso – Sobre o Funil do Brasil – Por Marcio Tito.

Por Marcio Tito O Funil do Brasil, sátira tragicômica escrita por Sergio Roveri, triunfa na complexa seara do textos que saltam do realismo para a farsa e, num só fôlego, da farsa para um quase vaudeville. O texto, cujo desenvolvimento impressiona e festeja o melhor do drama enquanto motor para conflitos e contradições, como num… Continue lendo Até a última sílaba do riso – Sobre o Funil do Brasil – Por Marcio Tito.

O espaço concreto e o espaço simbólico do Grupo Redimunho – Por Marcio Tito.

Por Marcio Tito Realidade, desejo e utopia atravessando o padrão. A importante solução cênica para um conflito ancestral. Positiva montagem do Grupo Redimunho. O Grupo Redimunho encontra uma poderosa poética social em Woyzeck, seu novo trabalho. Fortes imagens, uma cenografia propositiva e figurinos tão belos quanto narrativos amparam a obra e redefinem o que não… Continue lendo O espaço concreto e o espaço simbólico do Grupo Redimunho – Por Marcio Tito.

Imperfeições e acertos em A Pane, com direção de Malú Bazán – Por Marcio Tito.

Por Marcio Tito Cenário, luz e figurinos em resgate da obra. Poética precisa e atenta. Foto de Ronaldo Gutierrez A Pane, de Friedrich Dürrenmatt, propõe, dentro do próprio jogo da cena, ou seja, enquanto fábula, uma interessante dinâmica: as personagens decidem encenar uma representação, em chave crítica àquilo que seria ético, moral ou constitucional (tanto… Continue lendo Imperfeições e acertos em A Pane, com direção de Malú Bazán – Por Marcio Tito.

Imperfeições e acertos no Pirandello de Gabriel Vilela – Por Marcio Tito.

Luz, cenário e figurinos competem com o talento do nome central da produção e, fosse somente isso a montagem, os aplausos não teriam fim. Beleza e elegância recuperam algum fôlego no texto que não entrega o melhor do autor e não extrai o melhor da direção. (No retrato, caracterizado, Chico Carvalho). Por Marcio Tito Talvez… Continue lendo Imperfeições e acertos no Pirandello de Gabriel Vilela – Por Marcio Tito.

Quando o Game se transmuta em Zodíaco – O Que um Coletivo Nu Te Conta?  – Por Marcio Tito.

Destaque para o ótimo posicionamento da obra nas mídias. Destaque para o aguerrido elenco e para a produção que, nesses tempos sombrios, pode nos fazer lembrar o melhor do teatro de grupo nos anos 80 e 90. Por Marcio Tito. Os experimentos passados evocavam procedimentos capazes de capacitar o público a jogar com as circunstâncias… Continue lendo Quando o Game se transmuta em Zodíaco – O Que um Coletivo Nu Te Conta?  – Por Marcio Tito.

Imperfeições e acertos em Fox Finder – A Caça. – Por Marcio Tito.

Por Marcio Tito Um elenco obstinado em fazer dar certo - Fox Finder Tenho precisado pensar com maior decisão e demora acerca das coisas que apresento e escrevo sobre arte e cultura no site Deus Ateu. Se premedito antes da experiência do palco capturar sempre o que "melhor" valer para construirmos um contexto e certa… Continue lendo Imperfeições e acertos em Fox Finder – A Caça. – Por Marcio Tito.

Tatuagem, imagem e sacagem • Sobre o espetáculo Tatuagem – Por Marcio Tito.

Destaque para a sobriedade e inteligência cênica do elenco. Canções apuradas e estética equilibrada fechamos a deliciosa equação. Cleomácio Inácio também encontra o último nível da sofisticação e brilha em um elenco de estrelas. Kleber Montanheiro em ótima forma. Por Marcio Tito Um Inimigo do Povo, notável montagem levada no teatro da Aliança Francesa, no… Continue lendo Tatuagem, imagem e sacagem • Sobre o espetáculo Tatuagem – Por Marcio Tito.

Por que psicanálise não é psicoterapia? – Com Jorge Sesarino. Por Niliane Brito & Alan dos Santos.

Crying Girl (Jeune femme en pleurs), 1964, porcelaine émaillée sur acier© Estate of Roy Lichtenstein  Introdução: Niliane Brito Colocações: Niliane Brito e Alan dos Santos Muitas pessoas nomeiam a psicanálise como uma abordagem da psicologia, mas é importante desconstruirmos essa ideia, pois a psicanálise, ao contrário do que a psicologia propõe, nos auxilia em uma… Continue lendo Por que psicanálise não é psicoterapia? – Com Jorge Sesarino. Por Niliane Brito & Alan dos Santos.